29-06 Mandioca

As nomenclaturas são diversas, mas a mandioca (Manihot esculenta Crantz) pode ser considerada como um dos pratos mais pedidos no Brasil. A raiz é legitimamente brasileira e estudos apontam que ela surgiu na região central há cerca de 5 mil anos, no entanto, a sua popularização se deu pelos colonizados no século XV.

A mandioca é bem fácil de se adaptar a diversos climas, prova disto é que existem plantações dela por todos os estados do Brasil. Os principais produtores são Bahia, Pará, Paraná e Rio Grande do Sul. De acordo com o site Revista Globo Rural, a popularidade da raiz é tamanha, que no Estado de São Paulo não há uma cidade sequer que não tenha plantio de mandioca.

Para a plantação da mandioca, é indicado que o solo esteja sempre bem drenado, uma vez que o encharcamento pode apodrecer as raízes. Os mandiocais se dão bem em locais com boa distribuição de chuva, onde ocorre de 1 mil a 1.500 milímetros por ano. Todavia, em regiões mais tropicais, as raízes se desenvolvem tranquilamente, desde que não tenha estações secas.

Ainda sobre o plantio da mandioca, a indicação é que o solo seja profundo, solto, arenoso ou com textura média. A raiz se adapta em vários climas no Brasil, da Amazônia ao Rio Grande do Sul. É indicado que a colheita seja feita a partir do sétimo mês após a plantação, uma vez que as raízes possuem um diâmetro superior a 3 centímetros. A área mínima para a produção gira em torno de 3 mil a 5 mil metros quadrados, voltado para um comércio pequeno.

Fonte: Revista Globo Rural

 

LABOREMUS

Av. Dep. Raimundo Asfora, 3400
Distrito Industrial do Velame
Campina Grande - PB, Brasil
icone-email O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  
(83) 3335 3555 +55 
(83) 3335-3555

International sales:
icone-email  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
INNOVER